Camisas da Costa do Marfim 'somem' das lojas de Hamburgo

Agências internacionais - 10/06/2006


Em Hamburgo (Alemanha) A camisa laranja que a Costa do Marfim usará na Copa do Mundo virou febre na Alemanha, principalmente pelas ruas de Hamburgo, cidade em que a equipe faz sua estréia no torneio, contra a Argentina. E não são apenas os marfinenses que demonstram interesse pelo uniforme.

"A maioria dos compradores é de locais (alemães) , seja porque vão torcer pelo pequeno país ou porque simplesmente gostam da camisa", diz um representante da Puma, fabricante de uniformes de 12 das 32 seleções participantes, com foco centrado nas seleções africanas.

O interesse fez sumir do comércio de Hamburgo a camisa marfinense. "Todas nossas lojas na cidade já estão com o uniforme esgotado, e outros lojistas também me informaram que já venderam tudo", completou o representante da fabricante.

A Puma, aliás, terá um duelo particular contra a Adidas, que fabrica o uniforme de seis seleções, entre elas a Argentina, adversário da Costa do Marfim na primeira rodada do Grupo C do Mundial da Alemanha. As duas empresas, alemãs, são concorrentes há mais de sessenta anos, quando os irmãos Dassler romperam e viraram concorrentes.

Correndo por fora, está a Nike, gigante do marketing esportivo que patrocina oito seleções, incluindo Brasil, Portugal e Holanda.